NOITE DE S. JO  

rm_abcdefgh1920 68M
0 posts
4/12/2005 3:57 pm

Last Read:
3/5/2006 9:27 pm

NOITE DE S. JO


Era noite de S. João nos anos 70.Como sabem é o
santo das fogueiras,dos bailaricos ao ar livre e
dos arraiais com comida.Após o jantar dirigi-me
para S. Pedro de Sintra,local de festa,mas a meio
caminho vi uma moça jovem, bonita e com um olhar
provocante.Após uma breve conversa de apresentação
mútua decidimos passar a noite juntos.Fomos para
o arraial onde comemos,bebemos e dançamos como
muitos outros casais.Porém,após a primeira dança fiquei de tal forma excitado sexualmente que,de
acordo com os meus desejos disse-lhe que ansiava
muito fazer amor com ela.Embora surpreendida,por
o hábito dos portugueses ser tentar o sexo sem
falar expressa e antecipadamente nele,a bela jovem
disse que sim.Cerca da 1 hora do dia 25 dirigimo-nos para a vivenda da «D. AN»local onde já tinha
feito sexo com outras garotas.
Fizemos sexo loucamente;ejaculei cinco vezes dentro da vagina daquela ninfa;não houve parte dos
corpos que não tivessemos beijado e acariciado
mutuamente.
Após a última foda verifiquei que o meu penis
tinha ficado sem um pouco de pele o que me provocava dores e pouca vontade de continuar a
foder pelo que me deixei dormir.
Quando acordámos perguntei àquela ninfa se tinha ficado satisfeita,a qual respondeu que não tinha
sido mau,mas que teve pena de me acordar senão
ainda tinhamos continuado a fazer sexo.
Resta esclarecer que ela era tecnicamente virgem
por ter himen complacente,e tambem era o que alguns chamam «tarado sexual» ou seja sexualmente
insaciável.
Não me lembro do nome daquela garota maravilhosa,
nunca mais a vi,mas nunca esquecerei aquela noite,
nem o prazer e felicidade que sentimos.
Esta é uma história que tenta retratar o que me
aconteceu quando tinha cerca de 20 anos e aquela
deusa tinha 18.
Por vezes os momentos de felicidade acontecem sem
que os procuremos.
12 de Abril de 2005.

Become a member to create a blog