Fui comido.  

nuncaEdemais 42M
2 posts
12/19/2005 7:50 am

Last Read:
3/5/2006 9:27 pm

Fui comido.


"Malvada borracha. Já a cravara de todas as maneiras, em cima, por trás, ela em cima,depressa e devagar e falta-me aquela sensação que me conduz ao prazer. E ela gozàva, louca de prazer. Talvez não a devesse ter lambido e sugado com tanta energia. Veio-se tanto e está tão excitada que só quer mais. E eu, com esta merda enfiada no pénis, não lhe sinto a humidade e a doçura da sua flor."
Aos 23 não seria justificável mas aquela trintona que me piscara os olhos, nessa noite, no Bar, sabia muito bem o que fazia. Tinha-me convidado para sua casa e deleitado com os seus prazeres. Agora dançava na cama, envolvendo-me, acariciando-me e puxando-me para dentro de si, enquanto sorria de extase, percebendo que eu estava a demorar mais do que quereria. E abriu o livro, como que a ensinar-me. Deitou-se ao meu lado, costas voltadas e conduziu-me a massajar-lhe o clitóris enquanto apontava o "bicho" no seu anús. Empurrou-se contra mim e gemia deliciosamente. Gritou novamente quando se veio e tinha-me deixado mais duro. Satisfeita não permitiu que a penetràsse novamente, arrancou-me o preservativo e abocanhou-me lascivamente. Investiu sobre mim com firmeza, beijando e chupando tudo o que houvesse dentro de mim e levou a minha mão a penetrá-la com os dedos. Avisei que não aguentava mais e, sádica, acelerou a sua cabeça de encontro a mim, levando-me à inconsciência. Impossivel descrever todas as sensações. Acordei do transe e ela estava caída ao meu lado, ofegante, sorridente, mão no ventre, dorida. Nos seus lábios um resto de sémen, os olhos brilhavam. Percebi então que o prófilatico, grosso e insensivel, que me tinha dado, serviu para me conter e retardar. Fora comido por uma mulher experiente e sábia dos prazeres sexuais. E foi muito bom.
Saí depois do pequeno-almoço, que partilhámos, e nunca mais a vi.

Become a member to create a blog